No PSL, Éder B2 não concorda com Bolsonaro e não fará campanha para o presidenciável 

Advertisement
Advertisement

O primeiro suplente de vereador de Osasco, Éder B2 (PSL), comunicou aos membros do diretório sua posição contrária aos rumos da legenda nestas eleições, entre elas, a pré-candidatura à presidência de Jair Bolsonaro.

Em sua explicação durante reunião com filiados, do qual até 2017 foi presidente, ele exaltou a transparência com seus aliados. “Quem me conhece sabe dos meus posicionamentos, como eu faço política. Temos uma história na cidade”, disse Éder.

Sobre o candidato à presidência, B2 foi claro ao definir sua posição. “Luto para que cada um, cada uma tenha a sua decisão, possa escolher em quem votar da maneira mais democrática possível. Mas eu gente, infelizmente, não posso participar de um projeto onde vai içar o Bolsonaro”, explicou. Ele elencou algumas questões que levaram a essa decisão. “Tenho meus posicionamentos pessoais, com meu grupo político, meus amigos e com várias pessoas que são iguais a mim”, frisou.

Veja também  Hospital Central de Osasco recebe novos equipamentos

Éder Máximo, conhecido como Éder B2, é o primeiro-suplente de vereador na atual legislatura.

Avaliação média: 5
Total de Votos: 6

No PSL, Éder B2 não concorda com Bolsonaro e não fará campanha para o presidenciável 
Advertisement