2ª Cia da Polícia Militar pode ser despejada por falta de pagamento de aluguel

Nesta semana, a Justiça acatou uma ação de despejo e determinou que a 2ª Companhia da Polícia Militar desocupe o imóvel localizado na rua Victor Brecheret, no Vila Yara, em até 60 dias. A dívida deixada pela Prefeitura de Osasco, durante a gestão Jorge Lapas, com o proprietário do imóvel é superior a R$ 375 mil reais.

O processo, que corre na 1ª Vara da Fazenda Pública do Fórum de Osasco, diz que o contrato de locação do imóvel teve início em 28 de junho de 2007, tendo sido renovado para o período de 6 de junho de 2011 a 5 de junho de 2012, e previa pagamento mensal de R$ 10.200, o que não ocorreu de forma regular. Desta forma, os pagamentos esporádicos não saldaram a dívida gerada pela administração pública municipal.

Veja também  Traficante é preso na zona Norte

A decisão foi proferida pelo juiz José Tadeu Picolo, da 1ª Vara. Nela, há a determinação do pagamento de R$ 375.936,17, corrigido, atualizado e com juros de mora contados desde a citação.

A dívida foi gerada durante o governo Lapas e foi herdada pela gestão Rogério Lins. Em contato com a Prefeitura de Osasco, nossa redação foi informada de que a Secretaria de Administração estuda, em conjunto com a 2ª Cia da PM, um novo local para abrigar a unidade e, desta forma, não prejudicar a população, que depende do trabalho da Polícia Militar.

Avaliação média: 4.7
Total de Votos: 19

2ª Cia da Polícia Militar pode ser despejada por falta de pagamento de aluguel