Rota prende suspeitos de matarem tenente no Baronesa e menor confessa crime

Advertisement
Advertisement

A Rota, tropa de elite da PM, prendeu na manhã desta terça-feira, 12, no Morro do Socó, três suspeitos, um menor de 15 e outros dois de 20 anos, de matarem o tenente Marcos Okada Vieiros, 28, no último domingo após uma tentativa de roubo de sua moto uma BMW 800, na avenida Presidente Medici com Lourenço Bellolli, no Baronesa.

Segundo o delegado titular do 10° DP o menor confessou ser o assassino do policial. A arma utilizada pelos acusados um calibre .38 estava em estado precário e somente efetuaria um disparo o que tirou a vida de Okada.

O Oficial saía da sede do 42° Batalhão após cumprir sua jornada de serviço, aproximadamente 700 metros do quartel, quando foi surpreendido por marginais que o abordaram e efetuaram um disparo de arma de fogo na cabeça.

Veja também  Tentativa de roubo a moto termina com PM baleado na zona Norte de Osasco

O Militar foi socorrido por colegas ao Hospital Regional de Osasco, onde foi atendido, porém não resistiu ao ferimento.

Um dos indiciados R.S.S., 20, já responde por receptação a uma moto em janeiro de 2016 e aguardava julgamento em liberdade e segundo a Polícia Civil já era investigado por roubo a motos na região.

O corpo do tenente foi velado e sepultado no Cemitério da Paz no Morumbi.

O caso segue em investigação no 10° DP.

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 21

Rota prende suspeitos de matarem tenente no Baronesa e menor confessa crime
Advertisement