PSD decide se faz oposição a Lins e se torna o partido mais expressivo contrário ao governo

Nesta quarta-feira (12), a executiva do PSD Osasco estará reunida na Câmara Municipal. Na reunião, será definida a posição do partido em relação ao governo Rogério Lins. Nos bastidores, a tendência é que o partido comece a fazer oposição ao governo.

Lau Alencar é o homem forte do ministro e presidente licenciado do PSD Nacional, Gilberto Kassab. 

Em Osasco, atualmente, apenas o PDT se coloca como oposição ao governo. Agora, com a adesão do PSD, Rogério Lins passará a ter uma bancada maior na oposição. Na teoria, o governo passaria a ter três vereadores fazendo oposição: Dra. Régia, Alex da Academia, ambos do PDT, e Josias da Juco, este do PSD. Porém, existe uma possibilidade do vereador do PSD assumir uma posição independente, como vem fazendo Alex da Academia do PDT.

O presidente da sigla em Osasco, Lau Alencar, é a favor do partido fazer peso na oposição. Mesmo com uma bancada pequena, Lau aposta no peso nacional do partido para fortalecer o discurso contrário ao governo Lins.

Nesta terça, o presidente municipal da sigla, Lau Alencar, usou seu Facebook para falar sobre a decisão.