O que é Tricotilomania? Conheça os sintomas e tratamentos

Tricotilomania é uma doença muito mais comum do que as pessoas acham, apesar do nome difícil, ela é um impulso de arrancar os próprios fios de cabelo, sobrancelha, cílios e outras partes do corpo.

Esse transtorno merece atenção e cuidados médicos com rapidez, evitando assim que os hábitos se tornem mais rotineiros e que a pessoa acabe se machucando.

O que é Tricotilomania

O impulso de arrancar seus próprios fios de cabelo e pelos por todo o corpo tem o nome de Tricotilomania, esse transtorno psicológico é um recurso utilizado pelas pessoas para contratar a sua ansiedade e ate mesmo seu nervosismo.

Essa doença atinge apenas 4% da população mundial, e mesmo sabendo que este comportamento não é saudável, continuam fazendo o mesmo.

Muitos dos afetados pela doença arrancam os fios e os consomem, eventualmente, com o acumulo de cabelos no corpo, é necessário fazer uma cirurgia para a retirada dos mesmos.

Causas da Tricotilomania

Não é possível definir a causa do doença com muita precisão, mas, as suspeitas ficam por conta de questões ambientais e também, genéticas.

Uma informação que já foi descoberta é que, as pessoas que tem tricotilomania têm alterações nas reações químicas do cérebro, diretamente ligadas a serotonina e a dopamina.

Geralmente, as pessoas que tem mais tendência a desenvolver a doença, são:

  • Pessoas com Histórico familiar similar;
  • Crianças entre 11 e 13 anos;
  • Pessoas com muitas emoções negativas;
  • Ter transtornos como depressão, ansiedade e transtorno obsessivo compulsivo.

Sintomas Tricotilomania

Os principais sintomas da Tricotilomania são:

  • Puxar repetidamente fios do couro cabeludo, sobrancelhas ou cílios, entre outras áreas do corpo
  • Sentir um aumento das tensões antes de puxar o cabelo ou ao tentar resistir à vontade de puxar
  • Sentir prazer ou alívio ao arrancar um fio de cabelo
  • Áreas com menos fios de cabelos ou mesmo sem nenhum
  • Ter preferência por fios específicos ou rituais ao puxar os cabelos
  • Mastigar, morder, engolir ou enrolar os fios arrancados
Veja também  A Fazenda: Votar no próximo eliminado

Diagnostico Tricotilomania

Não existe um exame que faça o diagnostico da Tricotilomania, por isso mesmo, é necessário atenção dos parentes e uma conversa com um medico, verificando assim o tamanho do problema.

Geralmente, os médicos pedem alguns exames para avaliar se existe algum problema de saude que possa estar relacionado a queda dos fios. Porém, o diagnostico é feito através dos seguintes critérios:

  • Puxar fios de cabelo repetidamente, o que resulta em perda de cabelo notavel
  • Tentar repetidamente parar de arrancar fios de cabelo, ou pelo menos querer reduzir o hábito
  • Arrancar fios de cabelo em situações estressantes no trabalho, escola ou outros círculos sociais
  • Perda de cabelo não relacionada a outros problemas de saúde

Tratamento para a Tricotilomania

O tratamento da tricotilomania é feito de duas formas, sendo elas:

  • Com auxilio da psicoterapia

Neste caso é trabalho uma forma de acabar com o hábito, mostrando as situações onde a pessoa teria a necessidade de arrancar os cabelos e substituindo por outros hábitos mais saudáveis.

Essa parte do tratamento também pode ser feita com o auxilio de grupos de apoio, mostrando que a mesma não está sozinha e que pode sim se livrar desde hábito.

  • Auxilio de medicamentos

Não existe um medicamento especifico para tratar a Tricotilomania, porém, existem opções que vão auxiliar no tratamento, como os antidepressivos e medicamentos utilizados em transtornos de humor, em ambos os casos, os sintomas da doença podem ser reduzidos.

 

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 17

O que é Tricotilomania? Conheça os sintomas e tratamentos