O que é a andropausa? Conheça os tratamentos

O que é a andropausa? Conheça os tratamentos – Muito comum entre homens de 40 a 55 anos, a andropausa é a famosa menopausa masculina, porém, com sintomas diferenciados e que podem aparecer com uma maior lentidão.

A famosa andropausa ocorre por causa da diminuição de hormônio testosterona, causando assim, alguns sintomas como irritação, insônia e diversos outros.

O que é a andropausa?

A andropausa é uma diminuição progressiva da produção de testosterona nos homens, e atinge apenas cerca de 20% dos homens, aparecendo de forma lenta e gradual.

Causas da andropausa

A principal causa da andropausa é a diminuição do hormônio testosterona em circulação no organismo. Esse hormônio é responsável pela caracterização da masculinidade, como pelos no corpo, voz, musculatura e também, a fertilidade.

A redução dos níveis de testosterona ocorre naturalmente no decorrer dos anos porém, neste período da vida do homem, a redução ocorre com uma velocidade ainda maior, trazendo com a queda, os sintomas que tanto incomodam.O que é a andropausa? Conheça os tratamentos

Principais sintomas da Andropausa

A andropausa traz diversos sintomas comuns, fazendo com que o homem fique atento ao seu corpo, para que consiga realmente notar os mesmo. Os principais sintomas são:

Alterações na função sexual – Neste caso, pode incluir redução no desejo sexual, menos ereções espontâneas como aquelas que ocorrem durante o sono, redução da fertilidade. Além disso, pode ser possível notar a diminuição no tamanho dos testículos.

Mudanças físicas – pode ocorrer aumento da gordura corporal, redução da massa magra e também da força, assim como a diminuição da densidade óssea, inchaço na região dos mamilos e a perda de pelos por todo o corpo.

Mudanças emocionais – existe a possibilidade da diminuição da motivação e também da autoconfiança, pode ocorrer também tristeza e problemas de concentração e memória.

Alteração no padrão de sono – a andropausa pode acarretar em insônia ou sonolência aumentada.

Diagnóstico da andropausa

O médico que é responsável por identificar a andropausa é o médico endocrinologista, e a forma mais comum e mais fácil de identificar a condição é por meio do exame de sangue, que vai conseguir avaliar os níveis totais de testosterona.

Pensando em números, o valor normal e comum variam de 300 a 1200 ng/dL, caso, no exame seja apontado valores menores que 300 ng/dL existe sim um indicativo de que a andropausa esteja em andamento. 

Caso isso ocorra, o médico deve solicitar outros exames e procedimentos para constatar a presença desta condição.

O que é a andropausa? Conheça os tratamentos

O que é a andropausa? Conheça os tratamentos – O tratamento da andropausa com a reposição hormonal só pode ser feito quando os níveis de testosterona estiverem abaixo de 300ng/dl. Essa reposição vai evitar os possíveis efeitos colaterais indesejados, como o aumento dos riscos de doenças cardiovasculares, policitemia vera (excesso de células sanguíneas), apneia do sono (falta de ar durante a noite), hepatotoxicidade (desgaste do fígado), ginecomastia (raro acúmulo de gordura no peito), hipertensão e principalmente de doenças na próstata.

Com a reposição hormonal, existe a possibilidade de:

  • Restauração da massa óssea, força muscular e estrutura corporal;
  • Melhora no desejo e desempenho sexual;
  • Melhora do humor e da qualidade de vida;
  • Melhora das funções cognitivas;
  • Melhor metabolização de carboidratos e gorduras;

A reposição hormonal pode ser feita através de comprimidos, adesivos, implantes subcutâneos ou até mesmo injeções intramusculares.

Veja mais : O que é menopausa?

Advertisement