MP investiga prédio sem uso locado pela Câmara. Já foram pagos R$ 259 mil

Advertisement
Advertisement

A locação de um imóvel na avenida dos Autonomistas, 2615, virou alvo de investigação do Ministério Público do Estado de São Paulo (MPSP). A locação ocorreu em 10 de março deste ano e já foram pagos R$ 259 mil até este mês em um espaço sem uso.

Para o mesmo local o legislativo contratou uma empresa de arquitetura para elaborar um projeto para reforma orçado em R$ 135 mil.

Na segunda-feira, 11, o promotor do patrimônio público esteve no prédio novo para averiguações e um processo investigatório está em andamento no MPSP.

Veja também  Luminárias LED, em Osasco, são alvo de investigação do Ministério Público

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) cobrou explicações sobre a locação e o presidente Elissandro Lindoso não foi nada cordial com a fiscalização das ordem.

O custo total de aluguel é de R$ 2, 7 milhões até 2022. Até março do ano que vem a Câmara pagará R$ 37 mil mensal e após o valor será reajustado para R$ 47 mil.

Procurada a Câmara Municipal não se pronunciou sobre o assunto.

Avaliação média: 4.4
Total de Votos: 13

MP investiga prédio sem uso locado pela Câmara. Já foram pagos R$ 259 mil
Advertisement