Neymar pega 4 jogos de suspensão e está fora da Copa America

Depois de julgamento do Tribunal Disciplinar da Conmebol ficou decidido que o jogador Neymar fica suspenso por quatro jogos devido a expulsão e agressão do jogador brasileiro no jogo conta a Colômbia realizado na ultima quarta-feira pela segunda rodada da Copa America. A decisão cabe recurso por parte da CBF mas a princípio o jogador do Barcelona fica fora do restante do torneio mesmo que a seleção consiga chegar a final.

Caso a CBF consiga recorrer da decisão Neymar irá pegar a pena mínima de três jogos pela agressão, desta forma o jogador poderia atual caso o Brasil conquistasse uma vaga na final.

A punição também pode pesar no bolso já que acompanhada da suspensão de quatro jogos a Conmebol também multou o atleta em 10 mil dólares. A partir deste sábado (20) os fundamentos da suspensão serão publicados e assim a CBF poderá recorrer entrando com recurso no Comitê de Apelações, que tem como presidente o equatoriano Guillermo Saltos.

neymar-e-murillo-iniciam-confusao-apos-apito-final-da-partida-1434595750303_956x500

Em nota Carlos Eugênio Leite, diretor jurídico da CBF, revelou que o recurso para rever o agravante da ofensa ao árbitro e agressão será enviado ainda neste sábado.  “O prazo é de 24 horas para recorrer. São quatro partidas, incluindo a suspensão automática e mais uma multa de US$ 10 mil. Acho que é uma pena exacerbada. Uma decisão contrária à jurisprudência da Fifa, que concede efeito suspensivo quando se trata de três jogos ou mais”, revelou Leite.

Veja também  Tocha Olímpica irá passar por Osasco

Para o julgamento o Tribunal Disciplinar da Conmebol avaliou a súmula do arbitro da partida Enrique Osses, imagens de TV e a defesa prévia da CBF. Na súmula Osses relatou que Neymar teria atingido o jogador Armero com uma bolada, tentado dar uma cabeçada no jogador Murillo e aina proferido ofensas ao arbitro no túnel que leva aos vestiários.

Durante o julgamento integrantes da CBF revelaram que o jogador ainda teve de ser contido ao chegar nos vestiários do estádio Monumental, tamanha era sua irritação com o árbitro e com os jogadores da Colômbia.

Outro jogador envolvido na confusão, Carlos Bacca, que empurrou Neymar ao final da partida também foi julgado e suspenso por duas partidas e condenado a pagar uma multa de 5 mil dólares.

Vale lembrar que caso o Brasil seja eliminado da Copa America de forma prematura o jogador deverá cumprir sua suspensão durante a Copa América de 2016 e não durante as Eliminatória para a Copa de 2018.

 

 

Advertisement