Passagem já deveria ser R$ 3,80, entende PSOL

O Partido Socialismo e Liberdade (Psol), autor da ação civil, entrou, na segunda-feira, 07, com um recurso para que a Prefeitura e as concessionárias de transporte sejam multadas em R$ 50 mil por não cumprirem a determinação do Tribunal de Justiça (TJ) pela redução da passagem de R$ 4,20 para R$ 3,80.

A sigla entende que o prazo já teria se expirado e ingressaram com uma petição pedindo a aplicação da multa.

Na tarde desta quarta-feira, 09, o desembargador Antonio Tadeu Ottoni manifestou o excesso de pedidos das partes. “Observo que a litigiosidade extremada, com a interposição de sucessivas petições, está conduzindo à paralisação do processo em prejuízo às próprias partes”, despachou.

O partido atribui o exagero de petições à defesa das empresas para ganhar tempo e não reduzir o valor.

Procurada a Prefeitura não quis se manifestar sobre o assunto. A defesa das empresas não retornou os contatos da redação.

Deixe uma resposta