Juventude Osasquense

Neste meu primeiro texto em minha coluna, gostaria de agradecer ao meu grande amigo Paulo Macedo por ter me cedido o espaço em seu canal de comunicação, para poder expor minhas opiniões sobre política osasquense e nacional!

E para dar início, gostaria de abordar a participação da juventude em nossa política. Esta semana, mais precisamente na última quarta-feira (15/03) ocorreram grandes manifestações populares contra a reforma da previdência, proposta pelo atual governo Michel Temer! E, me chamou a atenção, a mobilização feita por frentes estudantis na cidade de Osasco no qual, lideranças de organizações históricas como a famosa UJS, se mobilizaram em peso até o centro da cidade de São Paulo representando não só a organização, como a bandeira da cidade.

Além deste fato, outro me chamou a atenção, a atuação de lideranças da comunidade LGBT em uma sessão na Câmara de Osasco, na última terça feira (14/03) apresentando solicitações através de uma carta escrita à mão ao legislativo e ao executivo, pedindo principalmente a revogação da decisão do prefeito em e extinguir a Coord. da Mulher, Igualdade Racial e Diversidade Sexual. Ao contrário do que dizem por aí, os jovens osasquense estão atuantes e se mexendo (e muito), brigando por mais espaço no meio político e se importando com todo o cenário negativo que ainda insiste em assombrar a cidade de Osasco.

Foto: Karla Boughoff

Em minha opinião devemos todos nós apoiar as frentes composta pela juventude, seja ela qual for, para que fatos históricos conquistados após lutas e mais lutas, se mantenham vivos e eficientes. Estar alinhado ao pensamento jovem, significa fazer uma boa política lá no futuro.

Maykom dos Anjos.

Deixe uma resposta