Justiça Eleitoral encontrou mais de 15 mil fraudes nas urnas eletrônicas, nas duas últimas eleições

O site da Veja, na última sexta-feira (3), publicou uma nota informando que a Justiça Eleitoral, através de cruzamento de informações biométricas, identificou 15,6 mil fraudes, nas eleições de 2014 e 2016. Essas fraudes se dão pelos eleitores que foram a diferentes cartórios, se passaram por outras pessoas e conseguiram emitir mais de um título, o que é ilegal. O reconhecimento biométrico, através das digitais, permitiu que estas fraudes fossem descobertas.

De acordo com o levantamento feito pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o maior número de fraudes aconteceu em Alagoas, onde 2.188 títulos de eleitor foram considerados irregulares. São Paulo aparece em segundo na lista, com 1.733 títulos irregulares, seguido por Goiás com 1.503 títulos.

O Osasco Notícias quer saber. Você acha que em Osasco aconteceram irregularidades na última eleição? Vote abaixo:

Você acha que houveram irregularidades nas últimas eleições em Osasco?

Ver resultados

Deixe uma resposta